sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

A magia de um sorriso

Há algumas coisas que marcam a vida. Geralmente são fatos simples, ignorados por muitos no momento em que ocorrem, mas que em longo prazo fazem uma grande diferença. São acontecimentos que de vez em quando invadem o coração e ocupam a memória quando me se espera. Coisas que perseguirão pelo resto da vida, como, por exemplo, um sorriso.

Há alguns anos ela sorria constantemente pra mim. Um sorriso radiante que deixava minha vida cheia de luz. Um sorriso de corpo inteiro que inundava de amor e tranquilidade minha inocente existência. Nada era melhor do que aquele sorriso intenso vindo como um raio em minha direção.

Mesmo diante das tempestades mais fortes, do medo mais amedrontador ou da dor mais sofrida, o sorriso dela permanecia ali, imutável. Era como se nada pudesse tirar aquela alegria contagiante de viver, aquela vontade de ser feliz acima de tudo.

Um dia ele se foi. Por muito tempo sofri pela falta que me fazia. Hoje eu me olho no espelho e sei que apesar de não poder vê-lo, o sorriso dela permanece comigo. Eu sinto, assim como sinto seu perfume e o toque leve de suas mãos através do vento, que ele continua ali ainda, dentro de mim, guardado no espaço mais especial do meu coração.

2 comentários:

Anônimo disse...

É sempre bom ter uma recordação tão boa de uma pessoa que a gt ama :)

Bruna Berka disse...

Verdade!